Suplementação de DHA na gestação

6/27/20231 min read

Muito se sabe que durante a gestação, o que mais se fala é da suplementação de ferro e ácido fólico. Mas você sabia que existe outro suplemento que gera benefícios em diversos aspectos do desenvolvimento dos bebês?

⚠️ O ácido docosahexaenóico (DHA) é recomendado para gestantes pela Sociedade Brasileira de Pediatria, pela Associação Brasileira de Nutrologia e pela European Food Safety Authority.
Existem evidências científicas que mostram grandes benefícios deste tipo de ômega-3 para a mãe e bebê, e eu vou te apresentar seis motivos para suplementar a alimentação com o melhor DHA durante a gravidez:

🤰🏻1- Menor risco de parto prematuro. Com isso, há uma menor propensão a condições como deficiência visual, atraso no desenvolvimento e dificuldades de aprendizagem.

🙍🏻‍♀️2- Maior adaptação da mãe ao estresse durante a gestação e prevenção de depressão perinatal, que envolve o período desde a concepção até ao primeiro ano do bebê.

🧠3- Crianças de mães suplementadas com DHA apresentam melhor processamento mental, aprendizado, memória e desenvolvimento psicomotor.

👁️4- Auxilia na visão da criança. O DHA é uma das principais gorduras estruturais na retina do olho, sendo responsável por até 60% do total de ácidos graxos poli-insaturados (PUFA).

🧬5- Níveis adequados de DHA na dieta são cruciais para a construção de resiliência neuronal de longo prazo, favorecendo um ótimo desempenho cerebral e ajudando na batalha contra doenças neurológicas.

👶🏻6- Aos 5 anos, as crianças cujas mães suplementaram a alimentação com DHA durante a gestação apresentam, em média, cinco quilos a mais de massa magra que outras crianças.

O DHA oferece benefícios desde a concepção até a amamentação, no entanto, há períodos em que a suplementação é especialmente recomendada para o desenvolvimento cerebral. Isso porque o DHA atua diretamente na formação da membrana externa das células cerebrais.

Procure seu médico e/ou nutricionista para adequarem a quantidade da suplementação!!